Como implementar o gerenciamento por categorias no Varejo Farmacêutico

É do varejo farmacêutico e está sentindo dificuldades em fazer a administração do seu negócio? Ou está com pouco tempo para acompanhar tudo o que está acontecendo? Então, saiba que fazer a gestão estratégica do seu negócio é essencial para manter seu estabelecimento competitivo e com crescimento saudável no mercado. Contudo, sabemos que cuidar de diversos aspectos de uma empresa não é uma tarefa fácil.

E para auxiliá-lo, é recomendado que você tenha uma estrutura administrativa e de TI para te apoiar. Além disso, adotar o gerenciamento de categorias pode ser a solução para seu negócio. Ficou curioso (a) para saber mais sobre a solução? Então, continue conosco e leia este artigo até o final que contaremos tudo sobre como o gerenciamento de categorias pode ser um diferencial para o seu estabelecimento. Confira!

O que é o Gerenciamento por Categorias no Varejo Farmacêutico?

De forma resumida o gerenciamento por categorias é uma padronização de processos que se concentram no relacionamento entre fornecedores e varejo, com o objetivo central de educar, influenciar e satisfazer os consumidores, melhorando a eficiência do negócio.

Qual a sua importância para o varejo farmacêutico?

O gerenciamento por categorias é essencial para se corrigir uma estratégia equivocada da indústria e varejo, que sempre focaram nas Marcas e não nas Categorias, direcionando somente esforços para os clientes Atuais ao invés no recrutamento de Novos usuários, deixando de dar total atenção aos Shopper e Consumidores.

Afinal de contas, essa técnica apoia todo o processo de tomada de decisão de compra, comercialização e marketing para o varejo farmacêutico, já que visa apresentar os produtos de maneira mais atraente, tornando assim a experiência do consumidor mais satisfatória.

Quais as vantagens dessa gestão por categorias?

O gerenciamento por categorias ou CG possui diversas vantagens para os empresários do varejo farmacêutico, pois atende às principais necessidades dos gestores do segmento.

  • Confira as principais vantagens da gestão por categorias:
  • Recrutamento de novos Consumidores para a Categoria
  • Aumento do Ticket Médio, mais produtos da Categoria com margens maiores.
  • Aumento das vendas, pois os clientes compram mais produtos fora da CATEGORIA visitada.
  • Aumento das margens, pois os produtos fora da CATEGORIA na maioria das vezes não estão em promoção.
  • Fidelização do CLIENTE, favorecida pela exposição agrupada e sortimento oferecido.
  • Melhor administração dos estoques;
  • Redução do custo de reposição;
  • Fortalecimento do mix de produtos;
  • Aumento dos resultados das promoções
  • Reconhecimento de novas oportunidades para apresentação de novos produtos no varejo farmacêutico.

Como implementar o gerenciamento por categorias no Varejo Farmacêutico?

Devido ao constante crescimento do mercado de varejo farmacêutico, muitas mudanças foram necessárias para atender as necessidades do consumidor e, uma delas foi a forma de exposição dos produtos que se realizou através da implementação do gerenciamento por categorias.

E o primeiro passo é conhecer o seu mercado, e isso pode ser feito com um conjunto de ações como a utilização de dados de inteligência de mercado via relatórios de curva ABC e pesquisas de comportamento dos consumidores/Shopper focadas no tempo de permanência, valor de compra e satisfação em loja.

Outros indicadores fornecem informações dos consumidores que tornam capazes de entender a demanda do estabelecimento na hora de otimizar a escolha do mix de produtos, afinal de contas saber com quais produtos trabalhar é essencial para definir as categorias.

Após definir os produtos é preciso planejar as categorias para realizar o cadastro dos produtos, assim seu planejamento estará alinhado com as estratégias de vendas e precificação.

Veja abaixo alguns PILARES de sucesso exemplos de segmentação que podem ser usadas:

Sortimento:

  • Número de itens diferentes de uma CATEGORIA de produtos (Skus Apresentação)

Planograma:

  • É o LAYOUT da exposição dos produtos por CATEGORIA (Posicionamento, FACE, Profundidade, Género)

Execução:

  • Colocar em Prática tudo o que foi planejado de estratégias – Equipe de Campo realizando técnicas de execução de Merchandising, ativando materiais de promoção, e fazendo treinamentos de produtos aos profissionais do varejo.

Onde os produtos serão expostos, ou seja, o espaço escolhido possui grande influência nas vendas. A comunicação correta, displays, wobblers e etc são essenciais para que os consumidores encontrem o que buscam, criando assim uma experiência única para eles.

Após organizar as divisões das categorias é importante organizar as Sub Categorias:

CONVENIÊNCIA: Categoria que atendem as necessidades dos clientes que se dirigem à farmácia em busca de outros produtos.

Exemplo: Balas, Esmaltes, Protetor Labial

SAZONAL: Categoria de produtos que crescem mito em vendas em determinadas épocas do ano, e que em outras não.

Exemplo: Protetor Solar

DESTINO: Categoria composta por produtos de extrema necessidade, que fazem os clientes largarem o que estão fazendo, irem até o PDV e resolver o problema.

Exemplo: Fraldas, antitérmicos

ROTINA: Categoria de produtos que fazem parte da rotina dos lares, os quais são mantidos em estoque, visando a utilização a qualquer momento.

Exemplo: Curativos e Antissépticos.

E tão logo aplicado esse conjunto de ações, se possível analise os perfis dos seus clientes e suas rotas na loja, desta forma conseguirá expor de forma mais eficiente os produtos. Não pule essa etapa, pois a organização facilita a localização dos produtos trazendo resultados positivos para seu estabelecimento.

Por fim, avalie seus resultados, pois, a gestão de dados é crucial para as tomadas de decisões e melhorias na experiência de compra dos seus clientes. Avalie se as metas foram alcançadas e deve ser modificado para facilitar o gerenciamento das categorias.

Só a partir da mensuração dos resultados é possível alterar o mix de produtos, estoque mínimo ou definir as promoções dos itens que não tiveram os resultados esperados. No caso do varejo farmacêutico, saber administrar a oferta e a procura dos produtos impacta diretamente no relacionamento com os seus clientes.

Como você pode ver, o varejo farmacêutico está passando por constantes mudanças e está cheio de oportunidades e possibilidades, não deixando dúvidas sobre o quanto é importante se atentar a experiência do Shopper. Por isso, se você quer implementar uma boa estratégia de gerenciamento por categorias , essa é a hora de realizar as mudanças e gerar mais resultados! No caso da Industria, jamais deixe de ter um Time de campo especializado em execução de técnicas de merchandising e ativação de materiais promocionais, realizando a manutenção e a garantia das estratégias criadas para manter as Categorias ativas e bem direcionadas aos consumidores. É comprovado em nossos Projetos de Trade que uma loja visitada por um profissional de Merchandising faz com que o produto trabalhado o Sell Out seja maior versus a uma loja não visitada.

Estamos há mais de 28 anos no mercado que a pharmexx Brasil com o Núcleo Dedicados x Compartilhados atende todas as demandas de visitação médica e trade, criando projetos personalizados e organizando equipes. Tudo planejado conforme a necessidade de cada ação.

Somos pioneiros em oferecer soluções completas conectando serviços e plataformas adaptadas às necessidades de cada cliente, com o foco em especialização e soluções para o segmento Healthcare.

Ficou com alguma dúvida? Fale com um dos nossos consultores

Gostou do artigo? Compartilhe nas redes sociais e até a próxima!